Terça, 03 de Agosto de 2021 16:55
-
Piauí Licitação

Suspenso de Novo - Edital de R$ 237 Milhões

O Custo Piauí conseguiu uma liminar para suspender novamente o Edital da Secretaria de Administração e Previdência do Estado do Piauí - SEADPREV que tinha oobjetivo de contratar mão de obra terceirizada

11/04/2021 02h05 Atualizada há 4 meses
Por: Redação
cidadeverde.com
cidadeverde.com

O Custo Piauí conseguiu liminar para suspender novamente edital de R$ 237 Milhões da Secretaria de Administração e Previdência – SEADPREV que foi lançado para contratação de mão de obra terceirizada.

A licitação para contratação de terceirizados pela SEADPREV já havia sido suspensa pelo TCE-PI em 2020 após denúncia do Custo Piauí, o que resultou em uma série de recomendações ao órgão.

Em vez de cumprir a decisão do TCE-PI, a SEADPREV, no final de 2020, lançou novo edital de licitação, sem corrigir as falhas apresentadas no edital anterior, descumprindo a decisão do TCE que determinara a realização de ajustes em seus procedimentos licitatórios de contratação de terceirizados.

Entramos com nova denúncia no TCE-PI em janeiro deste ano demonstrando que a SEADPREV havia lançado novo edital de licitação para contratação de terceirizados sem cumprir o conteúdo da decisão do Tribunal.
Hoje, o TCE-PI determinou à SEADPREV que suspenda a licitação ilegal para contratação de terceirizados.

Se depender do Custo Piauí, essa prática reiterada do uso da licitação de terceirizados ao arrepio da lei acabou aqui e agora.

Processo nº 000526/2021.

#custopiaui #piaui

Nenhum comentário
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
Ele1 - Criar site de notícias